Endereço:

Rua Vergilio Ferreira, Nº 11
8005-546 FARO

email:

grupo@grei.pt

Relações Que Curam

Created by potrace 1.16, written by Peter Selinger 2001-2019
Cadernos do GREI nº19

CADERNOS

do GREI

O Homem é um ser naturalmente relacional, e as interações que desenvolve na sua dimensão espiritual – seja com o Divino seja com outros que partilham a mesma visão do mundo – modelam a forma como vive e interpreta os acontecimentos da sua vida, mesmo em momentos críticos, podendo funcionar como promotores de estados de saúde e bem-estar.

O Deus (…) autor das verdades geométricas e da ordem dos elementos (…) que exerce a sua providência sobre a vida e sobre os bens dos homens (…) é um Deus que enche a alma e o coração daqueles que possui (…) que se une no fundo da sua alma (…).
Blaise Pascal
in Pensées (1670)

A evolução espiritual como fator de saúde e bem-estar psicológico.

O modelo de visão biopsicossocial do ser humano, à luz das investigações mais atuais, revela-se muitas vezes redutor na explicação do funcionamento do Homem por excluir uma das suas facetas fulcrais que é a capacidade de estabelecer relações com o Sagrado, a qual lhe permite transcender, dessa forma, o tempo e o espaço interacionais.

A espiritualidade assume assim um papel importante e moderador no quotidiano daqueles que adotam crenças, comportamentos e interações baseadas na existência de algo extraordinário, que ultrapassa os poderes e as perspetivas limitadas das suas vivências comuns.

Neste contexto, a relação com o Sagrado é um processo interminável que evolui ao longo da vida dos sujeitos e que, ciclicamente, implica novas descobertas acerca das características do Divino, esforços para manter e fomentar a ligação, e, por vezes – quando as situações do quotidiano são adversas e trazem alguma inconsistência à relação –, transformações que podem vir acompanhadas de crescimento espiritual.

A prática espiritual acompanha-se de uma tomada de perspetiva que descreve a forma como o Divino atua com os indivíduos e com o mundo. Esta construção de sentido, sobre como os acontecimentos ocorrem e se sucedem, facilita aos sujeitos a criação de uma compreensão e explicação pessoal acerca das suas experiências de vida.

Partilhar o artigo

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on linkedin
LinkedIn
Share on email
Email
GREI BRANCO

Entrar em contacto