Revista OMNIA Nº7 Revista OMNIA Nº7
15 outubro, 2017

OMNIA 7

Nota introdutória

Na senda do objeto constituinte da OMNIA, o número não temático que vos apresentamos inclui ingredientes científicos com diferentes olhares, uns orientados para o indivíduo outros para as suas relações sociais e económicas. Desta feita, a riqueza científica deste número está consubstanciado na diversi­ dade temática , à qual se associam, ain da, distintos métodos (análise documen­ tal, quantitativos e outros).
A revisão teórica em tomo do construto de resiliência efetuado por Helena Ralha-Simões in tenta, conforme por si assumido, desmistificar equívocos e sistematizar pontos de confluência tendo em vista destacar o carácter proces­ sual e evolutivo que lhe subjaz.
Carlos Marques Simões debate a triangulação em tomo do autismo, identi­ dade e inclusão, tendo por finalidade fundamentar pistas conceptuais suscetí­ veis de sustentar futuras investigações neste âmbito.
Compreender as relações entre a ansiedade, a satisfação com a vida e a satisfação com a escola em alunos do ensino básico, é o desígnio de Fábio Gonçalves e colaboradores.
E extensa a lista de literatura da Psicologia Vocacional dedicada ao papel dos pais na tomada de decisão vocacional. A singularidade da proposta de Suzi Rodrigues e colaboradores reside no facto de os autores avaliarem a in­ fluência do suporte parental de modo independente para cada uma das figuras (pai e mãe) a que acrescentam o papel da autonomia na exploração e indecisão vocacional de alunos do 3.º ciclo do ensino básico.
A competência de comunicação interpessoal é um recurso capital nas rela­ ções sociais (lúdicas, académicas ou profissionais), de qualquer pessoa. Nuria Marín Dominguez e colaboradores apresentam um estudo que avalia o grau de comunicação interpessoal em alunos mentores da Universidade de Sevilha.
O Estado Novo é objeto de análise em duas perspetivas distintas. Ana Bordalo e colaboradores recorrem à evocação autobiográfica, definida pelos próprios como "recordação das emoções experienciadas aquando do aconteci­ mento original", e avaliam as consequências emocionais das memórias de experiência traumática, quer em termos de saúde mental quer em termos de atribuição de novos significados.
Maria do Livramento Dias e Aurízia Anica analisam o processo de emi­ gração clandestina do sotavento algarvio, dedicando-se a um fluxo menos relatado na literatura dedicada a este fenómeno. Assim, procuram responder a diferentes questões conotadas com a singularidade do fenómeno migratório luso-marroquino.
Camilla Tiller e Ewelina Walorczyk exploram ore-interesse por destinos turísticos que tinham sido excluídos da atração turística em consequência da valorizaçãoo de novas formas de turismo, no caso, das novas tendências deno­ minadas de Unplugged Tourism.
Finalizamos com um artigo de Cláudia Ribeiro de Almeida que discute os impactos da dinâmica Low cost Carriers na mobilidade e nas acessibilidades aéreas na Europa, através da apresentação de case study.
Luís Sérgio Vieira

Um olhar desenvolvimentista sobre a resiliência
Em busca do elo perdido da superação da adversidade
Helena Ralha-Simões

Autismo, identidade e inclusão.
Perspectivar a criança autística no contexto de uma escola inclusiva
Carlos Marques Simões

Ansiedade e satisfação com a vida
Estudo das relações numa amostra de estudantes portugueses
Fábio Gonçalves, Adriana Mendes e Joana Vieira dos Santos

Suporte parental e autonomia
Efeitos na exploração e indecisão vocacional
Suzi Rodrigues, Vítor Gamboa, Luís Sérgio Vieira, Olímpio Paixão e Daniela Domingues

Comunicación interpersonal
en equipas de mentoría universitaria
Nuria Marín Domínguez, Alfonso J. García e M. Reyes Bueno

Traços mnésicos
Memórias autobiográficas de ex-presos políticos portugueses
Ana Bordalo, Inês de Sousa e Victor Cláudio

Do Emigração clandestina durante o Estado Novo
O fluxo migratório ilegal do sotavento do Algarve para Marrocos
Maria do Livramento Dias Aurízia Anica

Unplugged tourism:
A growing trend
Camilla Buvarp Tiller, Ewelina Walorczyk

Acessibilidades aéreas na Europa.
A dinâmica da operação das LCC. O caso Ryanair
Cláudia Ribeiro de Almeida

Deixe um comentário

Certifique-se de inserir todas as informações necessárias, indicadas por um asterisco (*). O código HTML não é permitido.

Não quer perder as novidades? Subscreva

Nome*
Email*

Nós não enviamos spam para sua caixa de correio.

Confirmo*

que li e aceito a Política de Privacidade

Subscrever


Temos por propósito fundamental contribuir para a reflexão conducente ao diálogo interdisciplinar entre vários domínios do conhecimento, nomeadamente nas áreas das ciências, das artes e da filosofia.