Rua Vergilio Ferreira, Nº 11, 8005-546 FARO grupo@grei.pt

O que é o GREI

GREI – Grupo de Estudos Interdisciplinares – iniciou a sua existência em janeiro de 2013, na sequência da dissolução do INSTITUTO GIORDANO BRUNO – Centro Interdisciplinar de Ciências e Artes, efetuada em dezembro de 2011.

Tendo como objetivo principal contribuir para o diálogo interdisciplinar entre vários domínios do conhecimento, nomeadamente nas áreas das ciências, artes e filosofia, o atual projeto começou por concretizar a sua atividade através da publicação dos Cadernos do GREI, iniciada em junho de 2013, os quais têm como finalidade principal promover uma reflexão centrada numa perspetiva transglobal que permita uma construção abrangente e multideterminada do conhecimento nos múltiplos domínios do saber científico, cultural e filosófico. Para esse efeito, publicam-se textos visando sensibilizar para a necessidade de uma abordagem conceptual que supere a atual fragmentação e especialização disciplinar.


Alargando o seu espaço de intervenção, o GREI concretizou esse desiderato através do iniciar da revista OMNIA em outubro de 2014, publicação que procura partilhar contributos que visem uma síntese reflexiva e crítica, no sentido de alcançar novos olhares sobre saberes e problemas referenciais do discurso científico. Com esse fim, propõe-se difundir textos inéditos de fundamentação teórica ou de reflexão conceptual, de relato de pesquisas empíricas ou de análises e técnicas de revisões de literatura ou de recensões críticas ou, ainda, de divulgação de teses ou de outros trabalhos académicos.


Para além destas iniciativas, o GREI  propõe-se como meta projetar-se e desenvolver-se noutros domínios, nomeadamente ao nível da edição, da difusão cultural, da concretização de projetos de investigação e da organização de debates ou de outros eventos similares no âmbito científico e cultural. 


Estrutura do GREI


estrutura do GREI assume um modelo desinstitucionalizado de organização do conhecimento, o qual se pretende constituir através de um sistema complexo e flexível de redes de desenvolvimento e aprendizagem – de objetos, de modelos de competência e de pares –, o qual exige, no entanto, um certo grau de planificação. Para além das redes mencionadas, existe uma quarta – impossível de planificar – que permite àqueles que a integram estabelecer uma relação com os investigadores com maior experiência pessoal e científica.


Neste enquadramento, procura-se manter uma articulação consistente entre os contributos produzidos pelos vários investigadores, os quais, embora prosseguindo idênticos objetivos, mantêm uma desejável liberdade de pontos de vista, o que possibilita uma diferenciação e abertura a perspetivas complementares ou alternativas, assim como uma participação com diferentes graus de envolvimento.


Desde o seu início, até final de 2014, a responsabilidade deste projeto foi assumida por um dos seus dois fundadores, Carlos Marques Simões. A partir de janeiro de 2015, considerando a evolução do processo e as necessidades organizativas decorrentes do atual contexto, a estrutura do GREI passou a integrar um Conselho de Orientação Estratégica, constituído por outros investigadores-titulares, coordenado por Helena Ralha-Simões. Entrando agora numa nova fase, desde o início de 2018 a coordenação voltou a ser assumida por Carlos Marques Simões.

Siga-nos

Contatos

Endereço:
Rua Vergilio Ferreira, Nº 11, 8005-546 FARO.

Email:
grupo@grei.pt

Os 'cookies' facilitam o fornecimento de nossos serviços. Para o uso de nossos serviços, você nos permite usar 'cookies'?
MAIS INFORMAÇÃO ACEITAR RECUSAR